GOVERNO DO RN 2

Foragido da Justiça há 11 anos por estupro de enteada é preso na Grande Natal

Por Rogério Magno em 01/10/2021 às 11:40:14
Crime aconteceu em 2006, quando vítima tinha apenas 7 anos de idade. Homem teve sentença confirmada em 2010 e foi localizado nesta sexta (1º) em São Gonçalo do Amarante. Prisão foi realizada pela Polícia Militar em São Gonçalo do Amarante (Arquivo)

Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Um homem de 39 anos que estava foragido da Justiça há 11 anos foi preso pela Polícia Militar na manhã desta sexta-feira (1), em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal. Ele foi condenado pelo estupro da própria enteada, que tinha apenas 7 anos de idade, quando o crime aconteceu.

Segundo a PM, a prisão ocorreu durante patrulhamento do 11º Batalhão nos corredores de ônibus no bairro Santo Antônio, com objetivo de combater assaltos no transporte público.

Durante as abordagens, os militares verificaram que o homem tinha um mandado de prisão em aberto por estupro. Ele foi detido e levado à Delegacia de Plantão da Zona Norte.

O caso

De acordo com a PM, o crime aconteceu no ano de 2006, quando o homem, padrasto de uma menina de 7 anos, abusou sexualmente dela na casa da avó materna dela, no bairro Vale Dourado, zona norte da capital.

Ainda de acordo com a corporação, a criança foi forçada a ficar calada para não chamar a atenção da sua avó e ainda ameaçada para não contar o que havia ocorrido.

Porém, a avó percebeu sangramentos e o estado emocional da criança, e acionou a Polícia Militar, que prendeu o homem em flagrante. A menina recebeu atendimento médico em um hospital, local onde foi confirmado o estupro.

Os investigadores ainda teriam constatado que a criança já vinha sendo abusada há algum tempo. O homem foi indiciado pela Polícia Civil e condenado a uma pena de nove anos de reclusão em regime fechado.

Ele ainda chegou a recorrer, mas o Tribunal de Justiça confirmou a sentença em 2010 e ele permaneceu foragido até ser localizado nesta sexta (1º).

Fonte: G1

Comunicar erro
Jota Edilson

Comentários