GOVERNO DO RN 2

Cinco meses depois, inquérito sobre origem de toneladas de lixo em praias do RN, PB e PI não foi concluído

Por Rogério Magno em 14/10/2021 às 06:21:33
Investiga√ß√£o foi iniciada em 29 de abril, após cerca de 50 toneladas de lixo surgirem em praias de sete munic√≠pios do Rio Grande do Norte. Para√≠ba e Piau√≠ também registraram casos. Lixo encontrado em praia de Ba√≠a Formosa, no litoral Sul do Rio Grande do Norte

Fernanda Zauli/G1

Cinco meses depois, a Pol√≠cia Federal ainda n√£o concluiu o inquérito que investiga o aparecimento do lixo em praias do Rio Grande do Norte, fato que aconteceu no m√™s de abril deste ano. Os estados da Para√≠ba e do Piau√≠ também tiveram o litoral atingido.

Apenas no Rio Grande do Norte, segundo relatório do Instituto de Desenvolvimento Sustent√°vel e Meio Ambiente (Idema) de maio, quase 50 toneladas de lixo foram retiradas de 22 praias e rios, em sete munic√≠pios (veja lista mais abaixo).

Veja imagens do lixo encontrado no litoral do RN

Lixo nas praias do RN: o que se sabe e o que falta esclarecer

Segundo a Pol√≠cia Federal, o inquérito ainda aguarda o laudo da per√≠cia para ser conclu√≠do. A investiga√ß√£o do caso come√ßou no dia 29 de abril.

Tabatinga Nísia Floresta Praia Grande Natal RN lixo

Divulgação

O órg√£o informou ainda que um inquérito penal tem 30 dias iniciais para ser conclu√≠do, mas pode ser prorrogado caso o delegado entenda que ainda necessita de dilig√™ncias. Assim, solicita ao Ministério P√ļblico um aumento do prazo.

Lixo no litoral

No Rio Grande do Norte, o lixo apareceu pela primeira vez no dia 21 de abril no litoral de Ba√≠a Formosa, Canguaretama, Tibau do Sul e N√≠sia Floresta. O √ļltimo registro foi no dia 29 de abril, na Via Costeira, em Natal.

Mais de 1,5 tonelada de lixo é encontrada em praias do RN

O município potiguar mais atingido foi Baía Formosa, que registrou lixo em nove praias e um rio e recolheu mais de 41 toneladas de material.

Locais em que o lixo foi encontrado no RN

Seringas estavam entre o lixo encontrado em praias do RN

Fernanda Zauli/G1

O relatório do Idema, publicado em maio, descarta a possibilidade do lixo ser de origem internacional, dada a presen√ßa de muitos produtos vendidos no pa√≠s e considera a possibilidade do lixo ter vindo de alguma empresa que trabalha com coleta de res√≠duos, "propositadamente ou n√£o".

Outra hipótese est√° relacionada às chuvas e alagamentos em Pernambuco e outros estados, com poss√≠vel carreamento de material para rios e mar ou que uma embarca√ß√£o tenha realizado "despejo acidental ou n√£o" do material.

Lixo encontrado em praia de Baía Formosa, tem 'santinho' de candidata a prefeita de Recife

Fernanda Zauli/G1

Material encontrado

Entre os materiais coletados em todo o estado, havia adesivo da campanha pol√≠tica de Recife, além de mochila com identifica√ß√£o da rede estadual de Pernambuco e t√≠tulo de eleitor leitor do munic√≠pio da capital pernambucana.

Lixo encontrado em praia de Baía Formosa, no litoral Sul do Rio Grande do Norte

Fernanda Zauli/G1

Além desses materiais, foram recolhidos tubo para coleta de sangue, seringas, etiquetas de remédios; sapatos e sand√°lias, pl√°sticos; copos descart√°veis; garrafas pet; garrafas de √°gua; garrafas de iogurte e embalagens de margarinas, entre outros materiais.

Uma fita de bra√ßo da Secretaria de Recursos H√≠dricos de Maragogi, munic√≠pio no litoral de Alagoas, também foi encontrada em N√≠sia Floresta. Essa pulseira é usada por turistas e era datada de 2020.

Fita de braço de secretaria de recursos hídricos de Maragogi, AL, foi encontrada entre o lixo na praia de Tabatinga, em Nísia Floresta, RN

Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Tr√™s animais (duas tartarugas e um golfinho) foram encontrados mortos na praia de Tabatinga, em N√≠sia Floresta, mas uma necropsia feita na época, n√£o identificou rela√ß√£o das mortes com os res√≠duos que afetaram a costa.

O lixo também foi registrado, em v√≠deo, no mar a cerca de 3 quilômetros da costa no litoral sul do Rio Grande do Norte, na altura do munic√≠pio de N√≠sia Floresta - um dos mais atingidos.

Vídeo mostra lixo a 3 km da costa no litoral do Rio Grande do Norte

Paraíba e Piauí

Além do Rio Grande do Norte, a Para√≠ba e o Piau√≠ também registraram lixos no litoral no m√™s de abril deste ano. Os primeiros relatos foram na Praia do Bessa, em Jo√£o Pessoa, no dia 20 de abril. No dia seguinte, foram encontrados materiais em outros dois munic√≠pios paraibanos: Conde e Cabedelo.

Apenas na Paraíba, foram cerca de 40 toneladas de lixo recolhidos.

O Piauí identificou dejetos semelhantes com os encontrados na PB e no RN no litoral de Cajueiro da Praia em 30 de abril.

Grande quantidade de lixo invadiu a praia do Bessa, em Jo√£o Pessoa, e moradores limparam o local

Reprodução/TV Cabo Branco

Vídeos mais assistidos do g1 RN

Fonte: G1

Comunicar erro
Jota Edilson

Coment√°rios