GOVERNO DO RN 2

CONSEPE mantém calendário e aulas presenciais na Ufersa vão ser retomadas dia 17 de janeiro

Por Rogerio Magno em 07/12/2021 às 11:57:09

O Conselho de Ensino, Pesquisa e extensão da Universidade Federal Rural do Semi-Árido – CONSEPE/UFERSA – mantém o calendário acadêmico confirmando o retorno presencial das aulas em todos os quatro campi da Universidade no dia 17 de janeiro. A decisão foi aprovada nesta segunda-feira, 06 de dezembro, depois de amplamente debatida na 3ª reunião extraordinária do Conselho que durou mais de 7 horas. O CONSEPE também aprovou as diretrizes para a retomada do ensino presencial de forma gradual e segura nos cursos de graduação da Ufersa. "Quero agradecer o empenho da comunidade acadêmica na discussão da normativa e no comprometimento que teve para esse retorno", afirmou a reitora da Ufersa, professora Ludimilla Oliveira.

A reitora adiantou que a gestão irá trabalhar para promover o retorno presencial com toda segurança. "Já estamos trabalhando avidamente junto ao Comitê de Biossegurança para que todas as questões de segurança com relação aos cuidados com a saúde sejam atendidas", antecipou Ludimilla Oliveira.

Entre os principais pontos aprovados ficou decidido que as aulas e atividades didático/pedagógicas – deverão ser ofertados em uma das modalidades: presencial, não presencial ou a combinação das atividades presenciais e não presenciais, mediante uso de tecnologias da informação e comunicação. Quanto ao número de estudantes nas turmas não deve ultrapassar a capacidade do espaço físico. "Poderão realizar atividades de forma não presencial ou mediante combinação das atividades presenciais e não presenciais, respeitando-se as especificidades das práticas pedagógicas de cada área do conhecimento", adiantou a pró-reitora de graduação, professora Kátia Cilene.

No que se refere a reorganização dos espaços físicos para as atividades presenciais dos cursos de graduação serão reorganizados, pela PROGRAD e os Centros, segundo as normas estabelecidas pelo Comitê Permanente de Biossegurança, incluindo possíveis ambientes de estudo para os discentes que estejam matriculados em disciplinas presenciais e não presenciais no mesmo dia. Um ponto importante é que para o acesso aos espaços físicos será obrigatória a apresentação de comprovante de vacinação válido e atualizado que comprove, no mínimo, duas doses de vacina ou dose única nos casos específicos.

Quanto às avaliações da aprendizagem poderão ser síncronas ou assíncronas para componentes curriculares realizados excepcionalmente de forma não presencial ou combinada. Já as avaliações de aprendizagem assíncronas – deverão estar disponíveis para os discentes por um período mínimo de 24 (vinte e quatro) horas, com prazo de execução mínimo de 12 (doze) horas. Ainda no que se refere as avaliações de aprendizagem síncronas, podem ser aplicadas pelo docente em tempo estabelecido no seu plano de curso; respeitando o horário em que o componente curricular esteja cadastrado no SIGAA.

A resolução também definiu sobre a assistência estudantil. Aos discentes regularmente matriculados, pela Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (Proae) em articulação com as Coordenações de Assistência Estudantil dos campi, ficou acordado que não haverá cancelamento de curso do tipo abandono (não realização de matrícula em componente curricular ou não trancamento) no semestre letivo 2021.2.

As atividades de acolhimento, realizadas pela pró-reitorias de graduação e assistência estudantil (PROGRADE E PROAE), devem organizar atividades de acolhimento que envolva a promoção de diálogos, trocas de experiências sobre o período pandêmico vivido, considerando as diferentes percepções e a promoção do bem-estar físico, mental e social dos discentes e dos profissionais da educação.

Outro ponto da resolução se refere ao Plano de Biossegurança, enquanto pacto coletivo, no âmbito da instituição, deve ser publicizado, acompanhado e avaliado pelo Comitê Permanente de Biossegurança da Ufersa. Diante dos pontos apresentados, todas as unidades da Ufersa vão estar prontas para iniciar o semestre letivo 2021.2, no próximo dia 17 de janeiro de 2022. "Em decorrência da quantidade de casos de Covid-19 que ainda são registrados, tínhamos a expectativa de prorrogar um pouco mais o retorno das aulas presenciais, mas a comunidade decidiu manter o calendário acadêmico que já estava aprovado para o retorno no dia 17 de janeiro", lembrou a reitora Ludimilla Oliveira.

Fonte: Portal Ufersa

Comunicar erro
Jota Edilson

Comentários