Terra-Bit

CASO MINEIRO/BETO ROSADO: Juiz dá 7 dias para Kerinho se manifestar em denúncia de inelegibidade por não se desincompatibilizar do cargo público

O juiz eleitoral Ricardo Tinoco intimou o então candidato a deputado federal nas eleições 2018, Kericlis Alves, " Kerinho", a se manifestar no prazo de 7 dias sobre denúncia de inelegibilidade por não se desincompatibilizar do cargo público na Prefeitura de Monte Alegre para concorrer nas eleições como manda a legislação Eleitoral

Por Rogério Magno em 19/09/2020 às 10:58:01

O juiz eleitoral Ricardo Tinoco intimou o então candidato a deputado federal nas eleições 2018, Kericlis Alves, " Kerinho", a se manifestar no prazo de 7 dias sobre denúncia de inelegibilidade por não se desincompatibilizar do cargo público na Prefeitura de Monte Alegre para concorrer nas eleições como manda a legislação Eleitoral.

O caso pode interferir na composição da bancada federal potiguar, caso os votos de Kerinho sejam anulados, a coligação que elegeu o deputado Beto Rosado perderia a vaga para Fernando Mineiro (PT) em razão do quociente eleitoral.

No despacho, o juiz determinou que: "Intimem-se Kericlis Alves Ribeiro e a Coligação 100% RN I, na condição de assistente simples (decisão de ID 3330871), para, no prazo de 7 (sete) dias, manifestar-se quanto às notícias de inelegibilidade e ausência de condição de elegibilidade, apresentadas nas petições de IDs 3507571, 3562621 e 3564471, nos termos do art. 39, caput, e do art. 51, parágrafo único, da Resolução TSE n.º 23.548/2017".


Fonte: Portal Justiça Potiguar

Jota Edilson

Comentários

GF AUTO CENTER